Terça-feira, 22 de Abril de 2008

...

AMOR  VAMPIRO

Noite se aproxima

mansa, docemente,

sinto a brisa  e com

ela chega ele enfeitiçando meu ser.

 Se aproxima, toca meu corpo

e eu adormecida me deixo

envolver pelo seu veneno,

seu toque me anestesia.

 Suga meu sangue,

meu sangue  envereda

por suas veias  e

nos tornamos um só.

 Me leva em seus braços,

me apresenta  para  noite

e assim nosso amor

chega até a lua.

 Homem- Mulher?!

Apenas Vampiros,

Doce Amor Vampiro. 

---------------------------

Maria Helena Mendonça Quinhones

 


publicado por Roberta Vampire às 05:19
link do post | comentar | favorito
|